Em depoimento, PM acusado de agredir jovem no subúrbio de Salvador diz desconhecer fato

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Acusado de agredir um jovem durante abordagem em Paripe, no subúrbio ferroviário de Salvador, o soldado Laércio Sacramento prestou depoimento à Polícia Militar e disse que desconhece o fato.

De acordo com o G1, Laércio Sacramento foi ouvido nesta terça-feira (4), na sede da 19ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Paripe).

No depoimento, o soldado, que foi afastado das ruas e cumprirá expediente administrativo até o fim das investigações, também disse que vai aguardar a apuração da Corregedoria da PM.

Em entrevista para o BATV, o comandante-geral da PM, Anselmo Brandão, disse que o soldado vai ser punido no final das investigações.

O caso

Em vídeo que circula nas redes sociais, o policial aparece dando socos na costela, um tapa na cara e  um chute no adolescente, e fazendo insultos racistas ao rapaz, em abordagem feita no domingo. “Você para mim é ladrão, é vagabundo. Olha essa desgraça desse cabelo. Filho da puta!”, grita o policial no vídeo gravado por um morador.

O jovem, que usa black power, permaneceu com as mãos na cabela enquanto era agredido.

CRUSH