Avião ucraniano cai no Irã após decolar e mata 176 pessoas

Foto: AP Photo/Ebrahim Noroozi

Logo após decolar do Teerã, no Irã, um avião da Ukraine International Airlines caiu às 23h42, no horário de Brasília, desta terça-feira (7). A queda da aeronave matou 176 pessoas, entre passageiros e tripulantes. O destino final era a cidade de Kiev, na Ucrânia.

Ainda não há informações sobre o que teria provocado a queda ou se o acidente tem ligação com a crise militar no Irã, provocada pela morte do general Qassim Suleimani em um ataque norte-americano.

O episódio aconteceu horas depois de o Irã atacar duas bases dos Estados Unidos no Iraque, como resposta à morte do general.

A Ukraine Airlines afirmou que o avião que caiu era um dos melhores de sua frota.

Os 167 passageiros a bordo eram de sete nacionalidades, como confirmou o ministro de Relações Exteriores, Vadym Prystaiko: 82 do Irã, 63 do Canadá, 11 da Ucrânia, 10 da Suécia, quatro do Afeganistão, três do Reino Unido e três da Alemanha.

As duas caixas-pretas da aeronave foram localizadas, mas o chefe da aviação civil iraniana afirmou que não enviará o material à Boeing.

Com informações de agências e UOL

CRUSH