Centenas de fieis tomam as ruas de Camaçari para homenagear São Thomaz de Cantuária

Por Camila São José

7 de janeiro é dia de comemorar o padroeiro de Camaçari, São Thomaz de Cantuária e na tarde desta terça-feira centenas de fieis, em um verdadeiro mar de gente, tomaram as ruas para render homenagens ao santo. A tradicional procissão saiu por volta das 16h da Igreja Nossa Senhora de Guadalupe, no Novo Horizonte, em direção à Catedral, na Praça Desembargador Montenegro.

Com o tema, ‘Eu creio, mas aumenta a minha fé (Mc 9,24)’, os cristão entoaram cânticos, agradeceram e fizeram suas preces.

“A gente não pode quebrar a tradição. Queremos focar, chamar o jovem para a igreja, o caminho certo. Porque a gente sabe que o caminho certo é seguir a Jesus”, comentou a devota, catequista e integrante da Pastoral do Dízimo, Mara Araújo, 49 anos. Natural de Salvador, a católica conta que desde quando veio morar em Camaçari, em 1992, não perde uma procissão. “Todo ano, não importa aonde eu esteja, eu venho à procissão de São Thomaz de Cantuária”.

Na missa campal, na Praça Desembargador Montenegro, Dom Petrini, bispo da Diocese de Camaçari, explicou que São Thomaz de Cantuária é um exemplo a ser seguido, um homem que foi movido por um grande ideal: servir a Jesus.

Com apenas 19 anos, Washington Michel já deposita toda sua fé no santo. “São Thomaz, além de ser um grande santo da igreja, ele significa algo representativo, porque representa a imagem de Cristo. Porque na sua caminhada ele foi um grande santo que atraiu pessoas, é um exemplo de santidade, a palavra de Deus diz ‘sede santo como o Pai de Céu é santo’ e São Thomaz foi esse santo, que hoje representa a igreja e que a igreja faz esse caminho, porque mostramos a santidade de Cristo através de São Thomaz”, falou.

Prefeito Elinaldo durante a procissão. Foto: Divulgação

Presente na procissão, o prefeito Elinaldo Araújo (DEM) disse que a data marca o início dos festejos populares do município e que hoje era dia de agradecer e refletir. “Pedir a nosso padroeiro que nos abençoe. É um momento de muita importância para mim, para a cidade, é um momento que nós paramos para fazer uma reflexão do que acertamos, do que erramos no ano que passou e, agora, pedir a bênção do nosso padroeiro para que interceda junto ao nosso senhor Jesus Cristo que esse ano seja um ano de realizações para a nossa cidade”.

CRUSH