Moradores flagram mancha de óleo em Arembepe

No início da semana as manchas de óleo que atingem diversas praias do Nordeste, também chegaram à Itacimirim e Guarajuba. Porém, a substância foi identificada na praia de Arembepe. Em vídeo que circula pelas redes sociais, moradores mostram as manchas no mar e areia da localidade.

As manchas atingem os nove estados nordestinos e outras praias do litoral norte como do Forte, Baixio, Porto de Sauípe, Mangue Cego, Coqueiro, Barra da Siribinha, Barra do Itariri, Sítio do Conde, Mamucabo e Subaúma.

Segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) o número de localidades atingidas subiu de 138 para 139. No total, 63 municípios foram afetados. O projeto Tamar suspendeu a soltura de filhotes de tartarugas por conta do ocorrido

Estima-se que o óleo começou a aparecer nas praias no início de setembro. Autoridades acreditam que o vazamento pode ter sido causado por um navio-tanque que transportava o petróleo para longe da costa. Dois barris de petróleo foram encontrados em duas praias do estado de Sergipe, o primeiro no município da Barra dos Coqueiros, litoral norte sergipano, e o outro na Praia Formosa, zona sul da capital Aracaju.

De acordo com a Petrobras, trata-se de óleo cru, que não é produzido no Brasil.

Plano de Ação e Enfrentamento

Até o início da noite de quarta-feira (9), as regiões de Itacimirim e Guarajuba apresentaram pequenas manchas, com grande espaçamento entre elas, já com textura sólida ou granulada na areia. As praias não apresentam nenhum tipo de resíduo na superfície da água. Está marcado para esta sexta-feira (11), a extração das manchas localizadas e a triagem das praias. Por enquanto, o esforço dos órgãos municipais e estaduais consiste em auxiliar os outros municípios já afetados, para impedir que os resíduos retornem para o mar.

Representantes de Meio Ambiente e Turismo do estado e dos municípios de Camaçari, Mata de São João e Conde definiram um Plano de Ação e Enfrentamento para essas regiões. O planejamento contempla a limpeza de praias, proteção de rios e mangues.

CRUSH