Convênio entre Governo Municipal e fanfarras será firmado esta semana

Foto: Ascom/PMC

Na sexta-feira, às 17h, no Teatro Cidade do Saber, a Prefeitura de Camaçari formalizará o convênio com as fanfarras municipais. Além da assinatura dos termos, a cerimônia terá apresentações das bandas e fanfarras contempladas.

A iniciativa possibilita a realização do projeto Mais Música na Escola que tem como público prioritário os estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental, mas eventualmente poderá atender escolas dos anos iniciais, com foco nas que desenvolvam atividades em tempo integral ou já possuam atividades de música nos seus currículos. O projeto vai beneficiar 38 escolas da cidade.

A ação tem por objetivo resgatar a autoestima, aumentar a confiança e valorização do trabalho em equipe e estimular o convívio social da criança, melhorando a integração do educando com a comunidade escolar. O projeto se divide em duas frentes, a primeira promoverá a inserção da música no dia a dia das escolas através da formação musical trazendo a prática musical com concentrações em composição e técnicas interpretativas, pesquisa e investigação.

A segunda frente trata da expansão do trabalho desenvolvido com os estudantes para a comunidade e apresentações de bandas de fanfarra e outros grupos musicais nas escolas e em diversas partes da cidade, com participação ampla da população. O prefeito Elinaldo Araújo (DEM) estima um investimento de R$ 1,5 milhão nas fanfarras.

Atualmente, seis fanfarras se mantêm ativas na cidade: Fanfarra Estudantil de Camaçari (Fanesc), Fanfarra Estudantil de Vila de Abrantes (Fanesva), Fanfarra Popular de Parafuso (Fanpop), Fanfarra Estudantil de Parafuso (Fanesp), Banda Municipal de Camaçari (Bamuca) e Fanfarra Popular de Abrantes (Fanpa).

A secretária da Educação, Neurilene Martins, ressalta que “essa é uma ação extremamente importante, haja vista que educação mais e melhor se faz ampliando o currículo escolar com conteúdos que estimulem os alunos a virem pra escola, desenvolva o estudante enquanto indivíduo e facilite o processo de ensino aprendizagem”, falou ao complementar “e a música é um desses instrumentos”, concluiu.