População discute modificações no transporte público de Camaçari

Em Audiência Pública realizada na manhã desta terça-feira (16), no Teatro Alberto Martins, os usuários do transporte público de Camaçari puderam discutir as recentes modificações implantadas no serviço prestado no município.

“Nosso maior objetivo é encontrar uma solução junto à prefeitura para sanar esses problemas enfrentados pelos usuários do sistema”, disse o vereador José Marcelino ao iniciar a audiência.

 

Além dos vereadores da Casa Legislativa, o debate contou também com a participação de representantes das cooperativas que prestam serviço na cidade, do sindicato da categoria, taxistas, o secretário de Governo, José Gama; e o superintendente de Trânsito e Transportes (STT), Cel. Alfredo Castro. Na oportunidade, as autoridades responderam aos questionamentos do público presente.

A respeito da desativação do Terminal de Integração Rodoviária (TIR), o superintendente da STT afirmou que a integração naquele local não foi interrompida e que a mobilidade melhorou ao passo que a integração deixou de ser restrita ao TIR para funcionar em qualquer trecho da cidade, facilitando a locomoção dos os usuários. Castro também salientou que o tempo de integração entre um transporte e outro aumentou de 40 minutos para uma hora e 40 minutos, segundo ele, tempo suficiente conforme extensão do município.

Outro assunto em pauta foi o reajuste da tarifa do transporte urbano, aplicado no início deste mês. Castro comentou que, antes do aumento, foi feita uma análise técnica e minuciosa sobre o assunto e discutida por diversas vezes com os empresários do setor que apresentaram planilhas para justificar os custos que resultam na inviabilidade da continuidade dos serviços.

Em contrapartida, o Coronel informou que o órgão apresentou exigências aos empresários do sistema de transporte a fim de otimizar os serviços prestados à população. Entre elas, melhorias nas condições dos veículos, implementação de roteiros noturnos para atender aos universitários do município e aos demais públicos, além da criação de aplicativos para os usuários acompanharem os roteiros e seus respectivos horários, etc.

Segundo o secretário de Governo, José Gama, a prefeitura tem realizado estudos técnicos com o objetivo de melhorar os serviços prestados à população. “Estamos empenhados, acompanhando de forma vigilante e respeitosa todo este processo de modificação do sistema do transporte público urbano, a fim de oferecer um serviço de mais qualidade a todos”, informou.

Redação Nossa Metrópole

Jorge