Criança morre após ser atingida em troca de tiros entre bandidos e policiais, na noite desta quinta-feira (15), em Camaçari

De acordo com informações de populares, na noite desta quinta-feira (14), um grupo de menores delinquentes fugiu do Centro de Atendimento Socieducativo (CASE), localizada no bairro do Santo Antônio, em Camaçari. Após a fuga, policiais iniciaram uma perseguição aos adolescentes que teriam seguido em direção ao bairro Jardim Brasília.

Na troca de tiros entre bandidos e policiais o jovem Hebert Felipe de Souza Silva, de apenas 11 anos de idade, foi atingido e socorrido pelos policiais para o Hospital Geral de Camaçari (HGC). Devido à gravidade dos ferimentos, o pequeno Felipe, não resistiu e faleceu no hospital.

Ainda não se sabe se a bala que atingiu Hebert partiu de uma arma da polícia ou dos bandidos, e se o crime está associado, de fato, à fuga dos adolescentes da Fundac, que ainda não foram capturados. A polícia continua fazendo buscas pelo bairro a fim de encontrá-los e levá-los de volta à detenção.

Em solidariedade à família, a Escola Dom Pedro II, onde o garoto estudava, emitiu nota de pesar e suspendeu as aulas desta sexta-feira (15).

Redação Nossa Metrópole