Bibi Gourmet

Geral

qui , 04/10/2018 às 10:59

Mais de 50% dos candidatos da Bahia não fizeram faculdade

Presente na maioria das propostas dos candidatos, o direito à educação é um tema recorrente nas campanhas. Porém, uma pesquisa revelou que dos mais de 27 mil políticos brasileiros que estão na disputa por um cargo público nas eleições, 13 mil, ou 49,6%, possuem ensino médio completo, ou seja, menos da metade. Na Bahia, apenas 48,1% dos candidatos tem diploma universitário.O levantamento foi feito pela plataforma Quero Bolsa.

O Rio de Janeiro é o estado com a menor proporção de candidatos com nível superior. Dos 3.494 políticos registrados na disputa eleitoral, 1.419, equivalente a 40,6% fizeram faculdade. Acre (42,1%) e Rondônia (43,9%) aparecem em sequência.

Na análise dos cargos, o de Deputado Estadual lidera os de menor escolaridade. Dos 17 mil concorrentes, 10,8% têm, no máximo, o ensino fundamental completo, 3% não completaram o ensino médio e 31,8% têm nível médio completo. Candidatos com ensino superior completo somam 45,3%.

Já para os candidatos a Deputado Federal, dos 7.986 inscritos, 54,6% têm nível superior completo, 25,3% concluíram o ensino médio e 7,9% têm, no máximo, o ensino fundamental completo. No Senado, o índice de quem fez faculdade aumenta para 81,3%.

Dos que concorrem ao governo dos estados, 87,2% têm nível superior. Com 92,3%, os presidenciáveis são os que mais apresentam formação completa em faculdade. Dos 13 candidatos, apenas um, João Goulart Filho, do Partido Pátria Livre, informou não ter diploma de nível superior.

Fonte: A Tarde

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Mais Notícias

Mantenha-se Informado!

Deixe seus contato para receber nossas notícias