Comfiaço_BLACK

Emprego

qua , 03/10/2018 às 11:27

Programa “Ser Mais Aprendiz” vai transformar a vida de 120 jovens de Camaçari

A vida profissional de 120 jovens de Camaçari começa a ser transformada a partir desta terça-feira (2/10), com a adesão formal ao Ser Mais Aprendiz. A cerimônia de assinatura de contrato pelos selecionados no programa municipal aconteceu no Teatro Cidade do Saber, onde os estudantes da rede pública de ensino foram recebidos com carinho e muita música.

Com a formalização, os aprendizes passam a dedicar quatro horas diárias, de segunda a sexta-feira, para aquisição de novos conhecimentos e treinar as habilidades adquiridas. Na próxima segunda-feira (8/10), os selecionados iniciam o curso de Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços Administrativos que os tornam aptos a exercerem atividades como recepcionista, assistente administrativo e assistente pessoal. A qualificação será conduzida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac ) e possui carga horária de 1000 horas/aulas, divididas entre teoria e prática.

Nas primeiras 80 horas de curso, os alunos vivenciarão apenas a parte teórica e após esse período, os ensinamentos práticos e teóricos ocorrerão de forma simultânea. Durante dois dias da semana os estudantes vão ser qualificados pelo Senac, e nos três dias restantes, os jovens terão oportunidade de estagiar em um dos diversos setores da estrutura municipal.

No caso dos selecionados que moram na Costa do município, o estágio será na própria região da orla, em equipamentos públicos como unidades de saúde e Centros de Referência de Assistência Social (Cras). O programa contempla jovens com idade entre 14 e 20 anos, que vêem na iniciativa a oportunidade de serem preparados para ingressar no mercado de trabalho já com alguma experiência.

 

A jovem Júlia Vanessa de Jesus, 15 anos, moradora de Vila de Abrantes, ao lado da mãe Débora Bezerra, comemora a conquista e diz estar empolgada para começar os cursos e colocar os conhecimentos em prática. “Vou me dedicar muito para que eu tire o máximo de proveito e saia do programa mais segura e com formações importantes que vão contribuir para que eu consiga meu primeiro emprego mais rápido”, disse ao acrescentar que a remuneração proporcionada pelo programa, que é de meio salário mínimo, parte será revertida para ajudar a família e uma parcela será destinada para realizar outros cursos, a exemplo de informática.

Vanderson Silva, 16 anos, estudante do Colégio Estadual José de Freitas Mascarenhas, morador de Arembepe, foi o primeiro a assinar o contrato, e por ser menor de idade o documento também foi assinado pela mãe Sheila Santos. “Sei que a taxa de desemprego em nosso país é alta e essa é uma oportunidade única que abraço com muita felicidade. É gratificante vê que ainda há gestores preocupados em preparar jovens como eu para o mercado de trabalho, aumentando as chances de conseguir uma boa colocação”, disse Vanderson.

A secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania, Ilay Ellery, ressaltou que cada um dos selecionados são muito bem-vindos e que vão contar com todo o apoio necessário da gestão. “Todo processo de aprendizagem é uma troca, e tenho certeza de que ao longo desse um ano de convivência nós também aprenderemos muito com vocês”, ponderou a gestora da pasta ao afirmar que todos serão acolhidos com carinho nas repartições públicas.

O prefeito Elinaldo Araújo falou da sua satisfação em proporcionar essas oportunidades aos jovens. “Todo filho deseja retribuir a dedicação e empenho dos pais durante a sua criação e espera com ansiedade o momento de começar a trabalhar, o que é louvável. Estou certo de que essa garra, determinação e vontade de vencer na vida, tão comuns à juventude, só fará bem a nossa gestão. Vai agregar valor ao governo e se reverter em melhor prestação de serviço à população, além de prepará-los para vôos ainda maiores”, disse o chefe do executivo emocionado.

 

O presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), José Hilton dos Santos, falou sobre a satisfação em ver acontecendo os investimentos municipais que asseguram importantes direitos à juventude. “Parabenizo ao Prefeito pela sensibilidade em realizar ações essenciais para o bem-estar dos nossos jovens”, declarou Hilton ao lembrar que por feitos como a autorização para construção de seis novas creches, a requalificação da Casa da Criança e do Adolescente, e a entrega do Centro de Atenção à Saúde da Criança, o prefeito concorre ao selo Prefeito Amigo da Criança.

 

O processo seletivo do programa iniciou em dezembro do ano passado e foi dividido em quatro etapas: inscrição, entrega de documentação, análise documental e visita social. No total, foram selecionados 240 jovens, da sede e orla do município, sendo 120 contemplados agora e 120 para cadastro reserva, que deve ser chamado com o encerramento do prazo contratual ou eventual desistência de contemplado.

 

O Ser Mais Aprendiz está vinculado à Coordenadoria de Proteção Básica (CPB) da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) e é voltado para estudantes da rede pública de ensino, integrante de família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais – CadÚnico. Dentro do CPB o programa é conduzido por uma pedagoga e uma assistente social. O programa é instituído pela Lei Municipal nº 1281/2013 e atende as regulamentações e normativas do Ministério do Trabalho.

Ascom: PMC

 

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Mais Notícias

Mantenha-se Informado!

Deixe seus contato para receber nossas notícias