Comfiaço-tramontina

Geral

qua , 20/12/2017 às 09:50

Após perder fábrica da JAC, Rui vai dar queixa na China

Um dia após o anúncio da implantação da fábrica da JAC Motors em Goiás, o governador Rui Costa avisou nesta terça-feira (19) que vai lançar mão de todas as estratégias possíveis para reaver os incentivos que foram concedidos à montadora de veículos. A JAC Motors tinha um protocolo para implantação de uma fábrica em Camaçari. Quando o projeto foi lançado, o investimento previsto era de R$ 1 bilhão.

 

 

“Nós já acionamos judicialmente e eu estou tomando todas as medidas legais para ter o ressarcimento da JAC Motors. Inclusive, estou fazendo uma comunicação ao governo chinês, de que o seu parceiro no Brasil (Grupo SHC, do empresário Sérgio Habib) é pessoa inidônea”, destacou Rui.

Segundo o governador, foi enviado um ofício à Embaixada Chinesa, de que o Grupo SHC teria dívidas com o estado e com a Fazenda federal.

“Nós vamos buscar esses recursos com todas as ferramentas que nós temos, inclusive com esse ofício para o governo chinês, falando da parceria inidônea”, afirmou.

 

Rui Costa não soube precisar o montante da dívida e a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz) informou que a informação corre em sigilo. Entretanto, quando deixou o cargo de secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, James Correia disse, em maio de 2015, que a JAC Motors devia R$ 100 milhões ao estado. Esses benefícios teriam sido concedidos para a importação de veículos.

O governador contou que o problema com a montadora começou quando o Grupo SHC ofereceu como garantia para um empréstimo junto à Desenbahia o terreno que o governo estadual vendeu a preços subsidiados. “Se ele não construísse, eu iria receber aquele dinheiro como? Com um terreno que já era meu?”, lembra Rui.

Fonte: Correio

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Mais Notícias

Mantenha-se Informado!

Deixe seus contato para receber nossas notícias