aapv

Política

qua , 06/12/2017 às 09:31

Caetano critica aumento do gás e ataca Reforma

Nos últimos dias de atividade parlamentar no Congresso Nacional, em 2017, os ânimos entre governo e oposição estão acirrados. Michel Temer e sua base tentam emplacar a Reforma da Previdência, enquanto a oposição trabalha para barrar a proposta. Além disso, mais um aumento do gás de cozinha também foi motivo do embate entre governistas e oposicionistas, no plenário da Câmara dos Deputados. Os trabalhos no Congresso Nacional devem encerrar-se no final da próxima semana.

 

 

O vice-líder do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados, Luiz Caetano (BA) criticou mais um aumento do gás de cozinha, imposto pelo governo de Michel Temer. O botijão de gás chegou à casa dos R$ 80,00 e, segundo Caetano, o povo mais pobre paga o preço da crise.

 

“O presente de Natal de Temer ao povo brasileiro é mais um aumento do gás de cozinha. Desde agosto, o botijão já foi reajustado em 68%! Esse presidente golpista quer acabar com o povo brasileiro ainda este ano, pois sabe que no ano que vem o povo vai correr ele do Palácio do Planalto”, disse Caetano.

 

Outro ponto abordado pelo parlamentar baiano foi a Reforma da Previdência. De acordo com Caetano, a proposta de Temer prejudica a aposentadoria dos brasileiros, e o governo Temer usa de chantagem para conseguir os 308 votos necessários para aprovar a matéria.

 

“Temer transformou o Palácio do Planalto em uma “Sala de Chantagens”. Ele faz reunião com prefeitos, por exemplo, e pede aos prefeitos para que pressionem os deputados a votarem a favor dessa reforma. Não caiam nessa cantilena, prefeitos! Eu votar contra essa reforma, pois ela acaba com a aposentadoria do povo brasileiro”, concluiu.

Ascom: LC

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Mais Notícias

Mantenha-se Informado!

Deixe seus contato para receber nossas notícias